Fabricante de Notebooks Lenovo afirma entrar em terceira Etapa no Brasil

Este post é um daqueles para você que ainda não conhece muito a Lenovo, e acha que é uma marca fraca ou pequena e só faz notebooks. Por isso é bacana acompanhar as novidades da empresa por aqui e pelo mundo:

De acordo com o Blog oficial da Lenovo no Brasil, a empresa vai passar por uma terceira forma de atuação desde que chegou ao País.

O executivo israelense Dan Stone, que tocava os negócios no país desde junho de 2012, e desde o começo do ano passou a liderar também os negócios na América Latina, deu lugar ao brasileiro Sílvio Stagni. O executivo, que anteriormente comandava os negócios de eletrônicos e tecnologia da Samsung, já foi também responsável pelas operações da Sony Ericsson (hoje apenas Sony) no país.

Notebook Lenovo S400

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, Stagni indica que assumirá, nos próximos anos, o gerenciamento de diversos braços da companhia além dos Computadores e Notebooks, como tablets, smartphones, TVs, equipamentos empresariais e, também, as lâmpadas LED da Lenovo, numa estratégia chamada PC Plus.

A ideia dessa tática é ampliar a participação da companhia para além do mercado de computadores de mesa.

“No 1º semestre o mercado de PCs caiu 20% no Brasil. Mas se você juntar tablets e smartphones, houve um crescimento de 20%”, declarou Stagni ao diário econômico.

Só no Brasil, a Lenovo tem 5.000 funcionários nas fábricas de Manaus e de Itu (interior de SP). A vinda de Stagni marca a 3ª fase da companhia no Brasil.

notebook notebook lenovo-thinkpad-t440 brasil

Entenda o que estão chamando de Terceira etapa ou fase no BR:

  • O primeiro momento, de 2005 a 2011, foi marcado pela venda de PCs para empresas.
  • A segunda onda veio em 2012, com o plano e expansão com a compra da CCE.
  • O terceiro (e atual) momento da Lenovo no país: a execução do relacionamento com clientes e parceiros com o know-how de um executivo local.

A receita maior da companhia vem dos consumidores residenciais: 70% dela provêm desse público, enquanto que os 30% restantes vêm das empresas. O desafio do executivo é o aumento do público empresarial. Como fazer isso? As linhas de servidores, recém-adquiridas da IBM, podem ser uma força nesse processo.

Ainda de acordo com o “Valor”, 150 profissionais e oito linhas de produtos serão integrados à Lenovo aqui no Brasil, e que posiciona a companhia como a 3ª maior deste segmento no mundo. Uma grande guinada para que a companhia se aproxime das empresas de maior porte.

Isso demonstra que a marca que é lider em vendas de computadores no mundo, está apostando bastante na mercado verde e amarelo.

 

Quer saber mais sobre a Lenovo, então veja aqui

Para ver ofertas da marca visite nossa Página principal

Laptoper

Laptoper é um especialista em notebooks que escreve os principais artigos do site "Que Notebook Comprar". Também dá as melhores dicas e ajuda quem quer comprar ou trocar seu notebook pelo melhor modelo.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *