Qual o melhor processador de Notebook para comprar? Core i3, i5 ou i7?

Laptoper

Laptoper é um especialista em notebooks que escreve os principais artigos do site “Que Notebook Comprar”. Também dá as melhores dicas e ajuda quem quer comprar ou trocar seu notebook pelo melhor modelo.

Você pode gostar...

6 Resultados

  1. Antônio Justino disse:

    Laptoper, estou vendo um notebook dell, core i5, processador de 1.8 ghz com o turbo boost fica 2.6 ghz, 4gb ram, 1 TB de HD. Nunca ouvi falar do turbo boost, só andei dando uma pesquisada nesses últimos dias. E vi aqui uma da melhores explicações, só que mesmo assim gostaria de saber sua opinião. A diferença é grande entre esse notebook com o processador de 1.8 ghz e o turbo boost, ou um notebook com as “mesmas” configurações, só que com o processador de 2.6 ghz e sem turbo boost? No caso o de 2.6 ghz, é o lenovo G400S. Eu gostei do dell, mas, não sei muito se o turbo boost vai funcionar bem.

    • Laptoper disse:

      Olá Antônio,
      A função “Turbo” acaba sendo automática, no uso não dá pra perceber se ele está ativo ou não, ele faz o controle para achar a melhor forma de trabalho, para aproveitar o máximo sem superaquecer.
      Quanto ao comparativo dos processadores da Dell e Lenovo, o ideal é avaliar pelo código do modelo exato.
      No Lenovo G400s é importante saber qual versão de processador está referenciando, mas pelo que vimos pode ser o Intel Core i5-3230M que tem velocidade de 2.6 GHz e tem seu Turbo boost (ou max) com 3.2 GHz que é bem mais interessante.

      Confirme os modelos e confira este post que fizemos que vai te ajudar: Como saber qual processador é melhor no notebook

  2. Lucas Ivan disse:

    Para que serve Frequência Turbo Max. ?
    Na verdade é “Turbo boost” Ok!

  1. agosto 13, 2014

    […] nosso último comparativo de processadores, falamos sobre qual eram os melhores modelos da Intel aqui neste link para escolher quando for comprar seu […]

  2. setembro 22, 2014

    […] como o processador tem a sua velocidade (CLOCK) que já explicamos em alguns posts anteriores sobre processador aqui a memória RAM também […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *