CCE Notebook é bom?

Notebook CCE é bom? é uma marca boa?

Primeiro é bom conhecer um pouco sobre a empresa:

A Fabrica nacional CCE (Comércio de Componentes Eletrônicos) é uma empresa brasileira de fabricação de eletrônicos, Atualmente é comandada sobre o nome de Grupo Digibras. Desde 2012, faz parte do grupo Lenovo. A empresa foi fundada no ano de 1964 com o objetivo de importar e comercializar componentes eletrônicos; entretanto, somente em 1971 é que a CCE iniciou a fabricação de equipamentos completos.

A marca fez história produzindo principalmente equipamentos e áudio como rádios, aparelhos de som e Micro System até a linha branca de eletrodomésticos.

 

Mas que interessa aqui é os Notebooks: CCE Info

O grupo Digibras é fabricante de produtos de tecnologia como desktops, notebooks, netbooks, celulares e TVs dentre outros. Figura entre os líderes em vendas do segmento no varejo principalmente por oferecer modelos de baixo custo e conta com parceiros renomados como INTEL, Microsoft e Qualcomm.

Nos últimos 5 anos, foram aproximadamente 2,3 milhões de computadores fabricados e 7,4 milhões de televisores produzidos. Com tradição de quase 50 anos, é um dos maiores conglomerados do Pólo Industrial em Manaus e conta ainda com centro administrativo em São Paulo. Estas duas plantas somam 500.000 m².

A compra pela Lenovo

Em 5 de setembro de 2012 a empresa foi adquirida em 100% pela empresa Chinesa Lenovo por R$700 milhões de Reais.

O detalhe é que a Lenovo não interfere diretamente na qualidade dos produtos, mantendo certa distinção e público. Isso significa que Lenovo e CCE não são a mesma coisa. São do mesmo dono (Grupo).

Em geral os modelos da CCE são mais básicos e baratos, para atingir principalmente aquelas pessoas que procuram um primeiro notebook e se limitam a utilizar para atividades mais básicas, como um simples acesso a internet.

Qualidade dos Notebooks CCE ?

Estes tipo de opinião pode gerar muitas controvérsias, pois conhecemos muitas pessoas que criticam e outras que utilizam notebooks CCE a anos e nunca tiveram problemas.

O que podemos afirmar é que são modelos mais básicos, mais simples, e acabam economizando em alguns de seus componentes para deixá-los com preços mais atrativos… e isso acaba impactando um pouco na qualidade.

Mas lembrando… tem pessoas que gostam e não tem problemas.

Em geral indicamos sempre avaliar especificamente o modelo que está interessado, interagindo com pessoas que já tem para saber qual é real avaliação de cada produto.

Fique ciente de que em muitos casos um produto mais barato apresenta sim pequenas diferenças.

Fonte: CCE e Wiki

 

 

17 Resultados

  1. Maria do Carmo Quirino Limeira disse:

    Bom dia, estou colhendo informações de marcas em notbook, da qual a lenovo, e das que estou pretendendo adquirir, foi importante saber a aproximação entre a CCE e Lenovo… muito obrigada

  2. Maria do Carmo Quirino Limeira disse:

    Bom dia, grata pelo o relato em avaliação do produto, estou comprando um notbook lenovo, o qual será o meu primeiro not, por isso essas informações são muito úteis, para assim poder fechar a compra com segurança. obrigada.

  3. TIAGO disse:

    BOM DIA,DEIXANDO UM COMENTÁRIO BREVE,COMPREI 5 NOTBOOKS,TIVE PROBLEMAS COM 2,UM FOI CONSERTADO E DEPOIS A CCE ,ME ENVIOU OUTO,NO LUGAR DO QUE FOI CONSERTADO,FIQUEI COM OS 2,E O OUTRO ,ELA FEZ POUCO CASO,ELE NÃO LIGAVA,NÃO ATENDIA SAC,QUANDO CONSEGUI O CONTATO,ME ENVIARAM A AUTORIZAÇÃO DOS CORREIOS,ENVIEI E ATÉ HOJE NÃO ME CONTACTARAM,RECEBERAM O NOT E NÃO ME ENVIARAM O OUTRO,OU SEJA,NO PRIMEIRO QUE DEU PROBLEMA RECEBI UM NOVINHO E O CONSERTO DO QUEBRADO E O OUTRO FIZERAM POUCO CASO,ENTREI NA JUSTIÇA,ESTOU AGUARDANDO AUDIÊNCIA.

  4. Meu primeiro notebook foi um CCE com um Intel Celeron; péssima experiência! Resolvi nunca mais usar CCE, mas conheço pessoas que tem notebook CCE há bastante tempo e nunca teve problemas. Não são todos.

  5. Alessandro disse:

    Meu primeiro notebook foi um CCE core 2 Duo, permaneci com ele por pelo menos 3 anos e nunca tive problemas, usei muito e de toda forma que podemos imaginar, com jogos, trabalhos da faculdade e muitas outras coisas… Após 3 anos de uso resolvi vender e comprar outro CCE Core i5 e a historia foi a mesma, usei de todas as formas, com muitos programas, materiais de estudo e jogos pesados… Estou com o mesmo notebook a 4 anos e jamais tive problema algum…
    Acho que foi o melhor investimento em equipamentos eletrônico…

  6. Angelo disse:

    Olá, não relatarei só sobre o notebook mas sim sobre a marca CCE. Apesar de sempre taxada como ruim por muitos, eu não tenho do que me queixar. Meu primeiro CCE foi um 3×1 ss4770 que ganhei em 1987 e que funciona até hoje, tive tvs e rádios com funcionamento pleno e vida útil duradoura. hoje, além do 3×1 referido, possuo tv, notebook e smartphone. É claro que todos esses anos usando os produtos da marca já tive que entrar em contato com o SAC da empresa e assistência técnica no qual fui muito bem atendido e os casos foram prontamente solucionados. Quero deixar bem claro que é um relato de minha experiência com os produtos da mesma, não desmerecendo nenhuma outra opinião, pois creio que não só a CCE pois também nas outras empresas do ramo tem sim os seus ossos e que num lote ou outro pode acarretar um equívoco no padrão de qualidade e por fim chegar no consumidor final gerando assim frustração devido a expectativa criada. Por fim, não importa se é da marca X ou Y o consumidor tem que fazer valer seus direitos exigindo a excelência na qualidade.

  7. Jader disse:

    Também arrisquei em um CCE a 2 anos atrás,
    porem muito bom o CxB (custo beneficio) Paguei 1,500,00 no meu CCE i7 4gb e 500gb de HD…. muito + e estou super satisfeito com a maquina,
    roda alguns games de boa e não tenho o que me queixar a não ser ano passado onde ficou parado uns 5 meses e quando liguei ele não abria imagem na tela, solução: uma rápida revisada nos cabos internos e limpos funcionou 100%

    • Laptoper disse:

      Olá Jader,
      Obrigado por seu comentário, é bom ter mais uma pessoa avaliando os produtos e provando que marcas mais baratas também podem dar conta do recado!
      Valeu 🙂

  8. Flavio disse:

    Minha experiencia, resumidamente: sim, é um bom notebook.

    Em 2010, depois que meu note “morreu” após 3 anos de uso, precisava de uma solução que não custasse muito. (considerando minha necessidade, tenho por princípio gastar o mínimo necessário). Um colega de trabalho que tinha comprado e ficado satisfeito com um CCE com i3 recomendou. Resolvi “arriscar”, e na onda mais gente no escritório também. Mesmo após quase 5 anos de uso, ele continua sendo minha principal máquina de trabalho (só ampliei a RAM), sendo que até hoje não tenho que reclamar nem da bateria.
    Vi gente na época pagando mais caro por máquinas “de grife” e se arrependendo por problemas, em um ano de uso.
    Já o da CCE, teve gente que arriscou (como eu) no i3 “para ver como era” e depois de algum tempo, deixou a máquina para uso dos filhos e adquiriram, confiantes, versões com processadores melhores e com mais memória.

    • Laptoper disse:

      Flavio,
      Muito obrigado por seu relato! Isso é importante para desmistificar marcas mais simples.
      Tem sempre o fator sorte, com qualquer eletrônico no mundo, que pode apresentar problema, independente da marca(problemas acontecem)!

      Agradecemos muito sua participação! Valeu!

  9. Camila disse:

    O meu primeiro notebook foi CCE, eu o explorei de todas as maneiras possíveis, com jogos principalmente, também alguns programas considerados pesados há alguns anos atrás, e ainda hoje, com seus 512mb de ram ainda funciona. Ano passado, comprei novamente um CCE, tive uma boa experiência da primeira vez, grana curta, na verdade foi minha mãe quem comprou, enfim, quando o notebook completou 13 meses da compra, quebrou. Com uma semana de uso, a carcaça rachou, com poucos meses meu pulso ficava todo queimado ao usar. O que eu quero dizer é, CCE( na minha opinião, hoje em dia) é uma m*&%$! Não sei se a compra pela Lenovo interferiu, mas a marca caiu muito em qualidade, digo por experiência própria. Não comprem CCE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *